O lugar mais silencioso do mundo não se encontra no meio da floresta, nem dentro de uma caverna, mas sim em uma câmara especial escondida dentro do Edíficio 87, na sede da empresa Microsoft, em Redmond, Washington.

Conhecida por câmara anecoica, foi construída por para ajudar no teste de novos produtos e, em 2015, bateu o recorde mundial do silêncio, quando os ruídos de fundo do local registraram impressionantes -20.6 decibéis. Para se ter uma ideia, foram lá que produtos como computadores Surface e o XBOX foram criados.  

Resultado de imagem para como visitar a camara anecoica da microsoft

No momento, ela é utilizada para três produtos. Melhorar a voz da Cortana (equivalente à Siri, da empresa Apple), melhorar o serviço de chamadas do Skype e a voz do tradutor em tempo real. Graças à sala, os técnicos podem registrar os sons com maior clareza e sem ruídos externos (como barulhos de carros, vento, animais…).

O quarto possui paredes isolantes de 12 polegadas (30,48 centímetros) de profundidade e um fosso de 24 polegadas (60,96 centímetros) que separa o local das demais salas. Qualquer fonte de iluminação vem apenas da abertura da porta. 

Entrou no Guinness World Records (livro de recordes), quando uma comissão de especiliastas concluíram, oficialmente, que este é o lugar mais silencioso do mundo, mais até de que qualquer estúdio de gravação. 

ENTENDA MELHOR

O limite do nosso ouvido é de 0 decibéis. O recorde anterior no Guiness Book era -9. A Microsoft conseguiu o título com -13, apesar de já ter consiguido chegar a  -20 decibéis. Gopal Gopal, o engenheiro de som indiano responsável pela sala, explica que o som de dois átomos que se tocam é de -23 decibéis. Uma referência difícil de assumir apenas com a imaginação. Ele foi o responsável por projetar, lançar e manter esta câmara tão peculiar.

Para muitos, ao se falar do local, podem pensar em algo que proporciona calma e paz, mas não é essa a sensação que visitantes costumam ter. Em geral, pessoas que entram na câmara da Microsoft costumam achar a experiência muito desconfortável.

“Algumas pessoas querem sair depois de apenas alguns segundos (dentro do local)”, diz Gopal. “Elas não aguentam. Incomoda quase todo o mundo. Dá para ouvir a pessoa respirando do outro lado da sala, os estômagos se movendo. Uma pequena parcela das pessoas sente tontura.”

Resultado de imagem para microsoft guinness

E você, teria coragem de encarar essa câmara? 

Natália Mendes

Natália Mendes

Jornalista e redatora no Geração +, fascinada pelo universo dos filmes e da música. Busco levar o conhecimento para outros ao meu redor e poder entender um pouco mais sobre nosso mundo.

Deixe uma Resposta